Filme alemão "Quando Partimos" vence o Troféu Bandeira Paulista

"Carlos", de Olivier Assayas, e "Mistérios de Lisboa", ganharam o prêmio da crítica

iG São Paulo |

Divulgação
Cena do filme "Quando Partimos"
Foram divulgados nesta quinta-feira os vencedores do Troféu Bandeira Paulista, dados aos melhores filmes exibidos na Mostra de Cinema de São Paulo. Na categoria ficção, o escolhido pelo juri foi o alemão “Quando Partimos”. O longa é o candidato oficial da Alemanha para o Oscar 2011 e narra a história de uma alemã que foge do casamento em Istambul e volta a morar com a família em Berlim.

O júri entregou um prêmio especial a “Beyond”, dirigido pela atriz Pernilla August, que atuou em filmes de Ingmar Bergman e Bille August. O filme também levou o prêmio de melhor atriz para Noomi Rapace.

O júri de documentário escolheu o suíço “Jardim Sonoro”, que conta a história de Wolfgang Fasser, um músico cego que ajuda crianças deficientes a encontrar um lugar no mundo. O documentário brasileiro “O Samba que Mora em Mim”, de Georgia Guerra-Peixe, recebeu um prêmio especial.

O documentário “José & Pilar” e a ficção “Meninos de Kichute” foram escolhidos pelo público como as melhores produções brasileiras da 34ª Mostra. O documentário francês “Pense Global, Aja Rural”, de Coline Serreau, e a co-produção Austrália e Timor Leste, “Balibo”, foram os escolhidos internacionais do público.

Veja abaixo a lista completa de premiados da Mostra de Cinema de São Paulo

Troféu Bandeira Paulista

Melhor Atriz: Noomi Rapace, por “Beyond”, de Pernilla August

Prêmio Especial do Júri: “Beyond”, de Pernilla August

Melhor Filme: “Quando Partimos”, de Feo Aladag

Categoria Documentário

Prêmio Especial do Júri: “O Samba Que Mora em Mim”, de Georgia Guerra-Peixe

Melhor Documentário: “Jardim Sonoro”, de Nicola Bellucci

Prêmio da Crítica

Prêmio Especial da Crítica: “Carlos”, de Olivier Assayas – França/Alemanha

Melhor Filme: “Mistérios de Lisboa”, de Raoul Ruiz - Portugal

Prêmio do Público

Melhor Filme Brasileiro: “Meninos de Kichute”, de Luca Amberg

Melhor Filme Internacional: “Balibo”, de Robert Connoly

Melhor Documentário Brasileiro: “José & Pilar”, de Miguel Gonçalves Mendes

Melhor Documentário Internacional: “Pense Global, Aja Rural”, de Coline Serreau

Prêmio da Juventude

“O Mágico”, de Sylvain Chomet

Prêmio Aquisição Canal Brasil

Melhor Curta-metragem: “Pimenta”, de Eduardo Mattos.

Prêmio Itamaraty

Prêmio Especial – Homenagem pelo Conjunto da Obra: Carlos Reichenbach

Melhor Curta-Metragem: “Pimenta”, de Eduardo Mattos (R$ 15 mil)

Melhor Longa-Metragem - Documentário: “Lixo Extraordinário”, de Lucy Walker, João Jardim, Karen Harley (R$ 30 mil)

Melhor Longa-Metragem - Ficção: “Rosa Morena”, de Carlos Oliveira (R$ 45 mil)

Prêmio Humanidade

Mahamat Saleh Haroun, diretor de "Um Homem que Grita".

Raoul Ruiz, diretor de "Mistérios de Lisboa".

Hannah Schygulla, atriz e diretora

Troféu Amigos da Mostra

Maestro Maurício Galindo

    Leia tudo sobre: Mostra de São Paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG