Ministro se reunirá com Tuma Júnior ainda hoje

O Ministério da Justiça divulgou hoje nota oficial em que afirma que o ministro Luiz Paulo Barreto já recebeu informações oficiais sobre a investigação que envolve o secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Junior. Na quarta-feira, o jornal O Estado de S.

iG São Paulo |

O Ministério da Justiça divulgou hoje nota oficial em que afirma que o ministro Luiz Paulo Barreto já recebeu informações oficiais sobre a investigação que envolve o secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Junior. Na quarta-feira, o jornal O Estado de S. Paulo publicou denúncia que aponta ligação do secretário com a máfia chinesa. A nota informa que ainda hoje o ministro da Justiça terá uma reunião com o secretário Tuma Júnior.

No início da tarde, a Comissão de Ética da Presidência da República abriu um procedimento preliminar sobre o envolvimento de Tuma Júnior com a máfia chinesa. Em reunião hoje, os membros da comissão decidiram dar um prazo de cinco dias para o secretário dar explicações sobre o conteúdo do inquérito da Polícia Federal, que mostra ligações dele com Paulo Li, apontado como um dos chefes da máfia chinesa em São Paulo.

Segue a íntegra da nota oficial do Ministério da Justiça:

"Nota à Imprensa

Brasília, 10/05/10 (MJ) - Em relação às denúncias divulgadas pela imprensa envolvendo o secretário Nacional de Justiça, Romeu Tuma Junior, o ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, informa que recebeu, na noite da última sexta-feira (7), ainda em Buenos Aires, as informações pedidas à Polícia Federal. Na tarde desta segunda-feira (10), informações complementares foram entregues ao ministro, que se reunirá ainda hoje com o secretário Tuma.

Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Justiça"

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG