Famílias de mineradores presos comemoram fim da perfuração

Anúncio da conclusão do poço que será usado para resgate é recebido com emoção por parentes no acampamento Esperança

Luísa Pécora, enviada a Copiapó, Chile |

Foi com muitas lágrimas e abraços que as famílias dos mineiros presos em uma jazida na região de Copiapó, no Chile, receberam a notícia de que foi concluído o trabalho de perfuração do poço que será usado para resgatar os 33 homens.

“Nós conseguimos, nós conseguimos”, disse María Segóvia, irmã do mineiro Darío Rojas, em entrevista ao iG . “É uma alegria e uma emoção enorme, porque agora falta pouco”, acrescentou María, que é conhecida como a “prefeita” do acampamento Esperança, onde as famílias dos mineiros estão vivendo desde o acidente, em 5 de agosto.

“Passamos dias muito difíceis, angustiantes, desesperadores, principalmente quando não sabíamos se eles estavam vivos”, contou María, em referência aos 17 dias que se passaram entre o acidente e a descoberta de um bilhete enviado pelos mineiros. “Graças a Deus pudemos chegar ao dia de hoje, e agora vamos para o resgate.”

Por todo o acampamento Esperança, o clima era de emoção. Parentes de diferentes mineiros choravam e se abraçavam, cumprimentando, também, policiais, integrantes da equipe de resgate e até os jornalistas.

Cristian Tapia, vice-presidente da Associação dos Mineiros do Chile, disse compartilhar a emoção que os próprios mineiros devem estar sentindo nesse momento. “Também sou mineiro e sei como se sentem: estão emocionados, com vontade e esperança de serem resgatados”, afirmou. “Hoje estamos vendo não apenas a felicidades das pessoas neste acampamento, mas de todo um país e de um planeta que reza por estes homens”.

Perfuração

O trabalho de perfuração, realizado pela máquina T-130, foi encerrado na manhã deste sábado. Agora, as autoridades vão avaliar a necessidade de revestir as paredes do poço com uma proteção metálica que aumentaria a segurança do processo de resgate.

Acredita-se que pelo menos os primeiros 100 metros do poço serão revestidos. As famílias, que apoiam a realização do procedimento, comemoram a chegada dos tubos de proteção ao acampamento, também neste sábado, com palmas e gritos de “Viva Chile”.

Na sexta-feira, o ministro da Saúde do Chile, Jaime Mañalich, afirmou que o resgate dos mineiros soterrados deverá começar na terça-feira, dia 12 de outubro. O ministro também pediu paciência aos chilenos, enquanto o complicado processo de resgate é realizado.

    Leia tudo sobre: chilemineirosresgateminamáquinasfamílias

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG