Acampamento no Chile tem 800 refeições servidas diariamente

Alimentar cerca de 2 mil pessoas é o principal desafio da equipe responsável pelo serviço de apoio às famílias dos mineiros

Luísa Pécora, enviada a Copiapó, Chile |

Os últimos dias antes do resgate dos 33 homens presos na mina San José, no Chile, representaram um novo desafio para a assistente social Pamela Leiva, 28 anos, que comanda o serviço de apoio às famílias. “A maior dificuldade, hoje, é alimentar tanta gente”, afirmou ao iG .

Como não há nenhum vendedor ambulante no acampamento Esperança, as 2 mil pessoas presentes no local, entre parentes, jornalistas e voluntários, contam com as doações dos municípios vizinhos. Todos os dias, cerca de 800 refeições são servidas apenas no horário do almoço.

O cardápio – que inclui macarrão, arroz e peixe – é preparado por uma equipe de 40 pessoas, que trabalham em turnos de 24 horas. Assim como Pamela, todos são funcionários públicos dos municípios de Copiapó, Caldera, Tierra Amarilla e Vallenar. O abastecimento é feito por meio de doações de empresas e prefeituras chilenas.

O trabalho cresceu muito desde o acidente. A equipe chefiada por Pamela chegou ao acampamento Esperança no dia 6 de agosto, um dia depois de os trabalhadores ficarem presos. Naquela época, eram servidas 300 refeições por dia, quase sempre sanduíches e frutas.

Mudança de comportamento

Os familiares também se comportavam de outra forma durante os 17 dias que passaram sem saber se os mineiros estavam vivos. “As pessoas não comiam, não dormiam, fumavam muito, tomavam café sem parar e passavam a noite acordados fazendo vigília em torno da fogueira”, contou Pamela. “Depois que souberam que os trabalhadores estavam bem, tudo mudou”.

Mais de dois meses depois do acidente, ela conta que não pensa em encerrar seu trabalho com as famílias tão cedo, depois do resgate. “Tenho uma relação mais do que profissional com eles. Passamos muito tempo e muitas emoções juntos”, explicou.

    Leia tudo sobre: chilemineirosresgateminacopiapócozinha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG