Florencio Ávalos é o primeiro mineiro a ser resgatado

Depois de 70 dias a quase 700 metros de profundidade, primeiro mineiro é resgatado com sucesso no Chile

Luísa Pécora, enviada a Copiapó, Chile |

nullO chileno Florencio Ávalos Silva, 31 anos, foi o primeiro homem a ser resgatado da mina San José, à 0h10 desta quarta-feira. Ávalos é conhecido como o “cinegrafista” do grupo por ter comandado as filmagens realizadas no interior do refúgio.

Ao sair da cápsula de resgate, Ávalos abraçou a família, emocionado. Seu pai, Alfonso Alvaros, havia ficado bastante feliz com a notícia de que o filho seria o primeiro a sair da mina. "É uma honra", declarou ele.

Florencio Ávalos é casado e tem dois filhos: César, de 15 anos, e Bairon, 7 anos. Morador de El Palomar, na região de Atacama, é mineiro há oito anos. Até o dia do acidente trabalhava como chefe de mina e, depois, assumiu o cargo de capataz.

Juntamente com os mineiros Mario Sepúlveda e Juan Illanes, Ávalos é considerado um dos mais habilidosos do grupo que ficou preso por mais de dois meses.

A equipe de resgate afirmou diversas vezes nos últimos dias que a ordem de resgate pode mudar no momento em que os paramédicos descerem ao refúgio para dar início à operação. Se a lista atual for mantida, o segundo a sair deve ser Mario Sepúlveda e o terceiro o boliviano Carlos Mamani Solis. O último a sair deve ser Luis Urzúa, 54 anos, líder do grupo. 

Reprodução
A salvo, Ávalos chega à superfície e é recepcionado por familiares

    Leia tudo sobre: ResgatemineirosCopiapóMina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG