Prêmio da Mega da Virada pode igualar 2012 e atingir R$ 244 milhões

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Sorteio está marcado para 20h25 desta terça-feira (31). Fortuna permitiria comprar mais de 1,3 mil carros de luxo

O prêmio da Mega-Sena da Virada deverá se igualar ao valor acumulado no ano passado, de R$ 244 milhões (que foi ganho por três apostadores). As apostas se encerraram às 14h desta terça (31), e a Caixa Econômica Federal deve divulgar o rateio até o final da tarde.

Conheça a home do Último Segundo

Confira as dez dezenas mais sorteadas na história da Mega-Sena

Empresas vendem fórmulas milagrosas para ganhar 

Giuliana Menezes
Até a manhã de segunda-feira (30), 66 milhões de bilhetes foram vendidos, segundo a Caixa

Até a manhã de segunda-feira (30), R$ 512 milhões foram arrecadados, o que equivale a 256 milhões de apostas - ou 66 milhões de bilhetes vendidos, segundo a Caixa. O sorteio está marcado para as 20h25, em São Paulo.

A fortuna renderia na poupança, de acordo com a Caixa, mais de R$ 1 milhão por mês. Em bens, a bolada é suficiente para comprar 400 casas no valor de R$ 500 mil, ou uma frota de mais de 1,3 mil carros de luxo. A probabilidade de acerto é de uma em 50 milhões.

A parcela do prêmio paga ao ganhador corresponde a 32,2% do valor arrecadado com o concurso da Mega Sena, depois de descontados os 4,5% destinados à Secretaria Nacional de Esportes. Segundo a Caixa, outros 13,8% são deduções do imposto de renda.

Leia também:

Especial: Todas as notícias sobre Mega-Sena

Acúmulos seguidos de prêmios da Mega-Sena geram teorias da conspiração

Longas filas se formaram em lotéricas de São Paulo. A representante comercial Margarida Salla, de 51 anos, fez a sua aposta durante a tarde, marcando "os números de sempre". Ela disse que já sabe o que faria com o prêmio, caso ganhasse. "Vou buscar a minha filha em Portugal, onde ela mora há sete anos. Aí, já aproveito e fico um tempo passeando", afirmou. Depois, pensou melhor: "Se bobear, largo tudo e me mudo para lá mesmo".

Sandra Regina, professora aposentada de 58 anos, disse não ter ideia do que fazer com o prêmio. "Até R$ 2 milhões tenho noção do que significa e sei que daria para viver com sossego. Mas R$ 200 milhões? Não sei como se administra tanto dinheiro", declarou.

Segurança

Para evitar que premiações acabem em caso de polícia, as loterias passarão a usar, já no início de 2014, um bilhete com espaço no verso para que o apostador coloque nome e CPF. A Caixa já orienta o consumidor a anotar atrás do bilhete dados pessoais para que somente ele seja autorizado a receber o prêmio, se sorteado.

Leia tudo sobre: mega-sena

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas