Mauro Mendes ataca Silval na TV

Candidato do PSB acusa governador candidato à reeleição de usar política para promoção pessoal

Kelly Martins, iG Cuiabá |

Em seu programa eleitoral da TV de hoje, o candidato ao governo Mauro Mendes (PSB) acusou o governador Silval Barbosa (PMDB) – que busca a reeleição – de utilizar cargos eletivos para promoção pessoal.

Mendes aproveitou seu espaço eletrônico para criticar Barbosa “por utilizar a máquina do Estado para comprar apoio de prefeitos do interior”.

"Sei de prefeitos que estão sendo ameaçados e cooptados com riscos de cortes de convênios se não aderirem à campanha de reeleição", contou.

Pelo menos quatro prefeitos do PPS e PDT, partidos que compõem a coligação "Mato Grosso Melhor Prá Você" já declararam que vão reforçar a campanha do governador-candidato.

Para o socialista, Silval “não é político e nem carrega no histórico de gestão benfeitorias no Estado”.

No vídeo de aproximadamente três minutos, Mendes fez questão de ressaltar que o adversário integra o grupo da "velha política" mato-grossense se intitulando como “novidade” nesse pleito.

Com intuito de "alfinetar" Barbosa, Mendes lembrou que o peemedebista e o ex-deputado José Riva (PP) – que acaba de perder o mandato por compra de votos e Caixa 2 – fizeram dobradinha na Mesa Diretora da Assembleia, entre 1998 e 2002.

Nesse período, Barbosa exercia o cargo de primeiro secretário e passou a presidir a Casa no lugar de Riva.

Imagens divulgadas por Mendes mostram o peemedebista assinando documentos na Assembleia enquanto presidente.

“Silval está na política há mais de 15 anos com vários mandatos e o que ele fez? Sua história política ainda não foi contada e o eleitor precisa saber”, concluiu.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG