Marques é eleito para seu primeiro mandato em Minas

Ex-jogador do Atlético Mineiro é o segundo mais votado para a Assembléia Legislativa do estado

Eduardo Ferrari, iG Minas Gerais |

Marques Batista de Abreu (PTB) é o mais novo deputado estadual na Assembléia Legislativa de Minas Gerais. Sua estréia acontece com a segunda maior votação do estado para o cargo. Foram 153.200 votos. Seria uma surpresa se ele não fosse mais conhecido apenas por Marques, ex-jogador de futebol que marcou passagem por grande clubes brasileiros, como Corinthians, Flamengo, São Paulo e Vasco da Gama. Mas foi no Atlético Mineiro que o atacante marcou sua história no esporte e foi adotado pela torcida do Galo, como é mais conhecido o time de Minas.

O paulista Marques atuou em mais de 350 jogos pelo time mineiro e marcou cerca de 130 gols. É o nono maior artilheiro da história do clube e participou de campanhas tão marcantes quanto as que levaram o clube ao vice-campeonato brasileiro em 1999 ou ao rebaixamento à segunda divisão da mesma competição, em 2006. Como um dos “culpados” pela queda, o jogador se transferiu para o futebol japonês, mas retornou ao clube em 2008.

Após um longa série de contusões, ficou quase um ano sem atuar e, finalmente, em maio de 2010, participou da campanha vitoriosa do time durante o campeonato mineiro. Marques fez o último gol da equipe na final contra o Ipatinga e, apesar de ter sido o jogador mais festejado pela torcida, foi compulsoriamente aposentado pela diretoria do clube.

Foi com esse currículo que Marques se candidatou à Assembléia Legislativa de Minas Gerais. Embora não tenha apresentado nenhuma proposta para seu possível mandato, o ex-jogador seguiu os passos de outros futebolistas como o ex-jogador Reinaldo, também do Atlético Mineiro, que chegou a ser eleito deputado estadual pelo Partido dos Trabalhadores, mas cumpriu apenas um mandato. “Estou muito feliz com o resultado do trabalho. A campanha foi bastante sacrificante. Foi uma campanha com um orçamento bem enxuto, sem sujar a cidade”, afirmou Marques.

Na próxima legislatura, Marques irá fazer parte da bancada da “bola”, que terá ainda o João Leite, ex-goleiro do Atlético Mineiro, e Gustavo Perrela, filho do presidente do Cruzeiro Zezé Perrela, que assume a cadeira que foi do pai.

A renovação na Assembléia Legislativa de Minas Gerais atingiu 28 das 77 vagas, 36,3% do total. Entre os candidatos que não eram deputados estaduais na última legislatura, estão novatos na política, como o ex-atacante, e caras bastante conhecidas da política mineira, como Rogério Correa (PT), que foi parlamentar por dois mandatos consecutivos, entre 1999 e 2007. Com 13 deputados eleitos, o PSDB foi a legenda que conquistou o maior número de vagas, seguido por PT, com 11, e PMDB, com 8.

    Leia tudo sobre: Eleições MG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG