Marconi adota `municipalismo¿ para ganhar votos de Vanderlan

Estratégia do tucano é assumir bandeiras levantadas nos redutos eleitorais vencidos pelo republicano no 1º turno

Rodrigo Viana, iG Goiânia |

O comitê de Marconi Perillo (PSDB) começará a mudar estratégias de marketing para iniciar a campanha no segundo turno.

A proposta é pegar pontos da plataforma de Vanderlan Cardoso (PR) para conseguir conquistar os 500 mil votos que o republicano recebeu no dia 3.

Uma destas propostas é a da descentralização do Estado e do caráter municipalista da gestão.

A regionalização foi uma das propostas centrais de Vanderlan, que era prefeito de Senador Canedo, e que queria levar órgãos do governo para o interior.

A proposta foi apresentada por Marconi, mas não na mesma ênfase que a campanha republicana.

Outras propostas poderão ser incorporadas pelo comitê tucano, desde que não batam de frente com as já divulgadas no primeiro turno.

Com essa mudança, programas de TV e de rádio também passarão a apresentar as propostas “coladas” de Vanderlan.

No entanto, os jingles e materiais impressos não sofrerão mudanças neste primeiro momento e a campanha nas ruas não será alterada.

O PSDB parte para a conquista dos eleitores do terceiro lugar já que o apoio formal de Vanderlan deve ser dado a Iris Rezende (PMDB).

A candidatura de Vanderlan Cardoso foi criada pelo governo justamente para contrapor o ex-aliado Marconi Perillo.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG