Juizados dos aeroportos fizeram 14,6 mil atendimentos no semestre

Principais reclamações recebidas pelas varas especiais dos cinco principais aeroportos foram cancelamento de voos e over booking

iG São Paulo |

Com os constantes problemas enfrentados por passageiros nos aeroportos do País, com atrasos e cancelamentos, os juizados especiais dos cinco principais terminais brasileiros atenderam ao menos 14.637 pessoas desde no segundo semestre de 2010. De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), as principais reclamações foram com relação a cancelamentos de vôos, extravio de bagagem e over booking.

O atendimento é gratuito e pretende solucionar discussões que envolvam valores de até 20 salários mínimos, sem a necessidade de advogado. Confira abaixo o balanço nos cinco principais aeroportos do País:

São Paulo – Os juizados especiais dos aeroportos de Congonhas e Guarulhos registraram 2.551 reclamações e 2.073 orientações prestadas aos usuários, desde que começaram a funcionar, em julho.

Distrito Federal – No Aeroporto Internacional de Brasília Presidente Juscelino Kubitschek, 906 acordos foram realizados no primeiro semestre O número representa 53% do total de 1.701 reclamações registradas desde julho, o maior percentual de resolução de conflitos entre os cinco principais aeroportos brasileiros.

Instalado pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) em parceria com o CNJ, o juizado atendeu a 3.908 pessoas.

Rio de Janeiro – Ao todo, 6.105 pessoas foram atendidas nos aeroportos Tom Jobim (Galeão) e Santos Dumont no Rio de Janeiro desde a criação dos juizados especiais. As unidades conseguiram solucionar 623 conflitos por meio de conciliação, o que representa 25% das 2.478 queixas apresentadas aos juizados especiais dos aeroportos fluminenses.

    Leia tudo sobre: aeroportosjuizadosreclamaçõesover booking

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG