Inundação na China afeta quase 1 milhão de pessoas

Após as chuvas além dos milhares de afetados, uma pessoa morreu segundo informações da agência de notícias chinesa "Xinhua"

EFE |

Pequim - Mais de 900 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas que caem na província de Hunan desde o dia 17 de abril e que provocaram o transbordamento do rio Xiangjiang, informou hoje a agência oficial de notícias "Xinhua".

A precipitação média das chuvas que começaram a cair em Hunan há uma semana é de 112 milímetros nas zonas fluviais, por isso que o nível de água do Xiangjiang subiu de três a seis metros.

Há dois dias a água do rio começou a descer no trecho de seu curso que passa por Changsha, a capital provincial, mas as autoridades locais anunciaram que as precipitações previstas para hoje poderiam voltar a piorar a situação.

A cheia do rio atingiu 304 municípios de 27 distritos da província, pelo menos 4.600 casas foram destruídas e 39.970 hectares de terras de cultivo se alagaram.

As perdas econômicas chegam a 446 milhões de iuanes (US$ 65,3 milhões).

    Leia tudo sobre: chinainundaçõesrio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG