Espanha registra primeiro caso de microcefalia ligada ao zika vírus

Grávida viajou para a América do Sul alguns meses atrás e teria contraído zika vírus e dengue, doenças transmitidas pelo Aedes
Foto: iStock
Aedes aegypti é o responsável pela transmissão da dengue, zika vírus e febre chikungunya

Autoridades de saúde da Espanha informaram nesta sexta-feira (6) que foi identificado o primeiro caso de um feto com microcefalia no país. O Departamento de Saúde da região da Catalunha, no nordeste espanhol, afirmou que a mulher viajou para a América do Sul alguns meses atrás e havia contraído zika e dengue. Em comunicado oficial, o departamento disse que o bebê, além de microcefalia, tem outras malformações.

O Ministério da Saúde espanhol confirmou que este é o primeiro caso do tipo no país. Segundo o governo, a Espanha já identificou 105 pessoas com zika vírus, sendo que 13 delas estão grávidas.

O zika, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti – vetor também da dengue e febre chikungunya – pode causar microcefalia, uma malformação neurológica grave, que causa danos cerebrais nos bebês. 

*Associated Press

Veja as diferenças entre os sintomas da dengue, zika vírus e chikungunya:


Link deste artigo: http://ultimosegundo.ig.com.br/igvigilante/saude/2016-05-06/espanha-registra-primeiro-caso-de-microcefalia-ligada-ao-zika-virus.html