Tamanho do texto

Mais de 213 mil já foram vacinados contra febre amarela na zona norte de SP

Febre amarela: mais de 200 mil pessoas residentes na zona norte de São Paulo foram vacinadas
Rovena Rosa/Agência Brasil
Febre amarela: mais de 200 mil pessoas residentes na zona norte de São Paulo foram vacinadas


Até a sexta-feira (27), mais de 213 mil moradores da zona norte de São Paulo foram imunizados contra a febre amarela. A vacina tem sido aplicada nas 37 Unidades Básicas de Saúde (UBS), rede administrada pela Prefeitura de São Paulo. Para evitar uma epidemia da doença, neste sábado (28) as unidades estão abertas para atender os demais moradores.

Leia também: Incêndio na Chapada dos Veadeiros gera problemas de saúde para população

Além das 37 UBS, outros 12 postos volantes estão vacinando os moradores da região contra a febre amarela neste sábado (28) até às 17h e no domingo (29) a ação será das 8h às 14h.  Para atender toda a população de forma efetiva, a prefeitura informou a ampliação do horário de atendimentos das UBS, sendo que as unidades passam a atender a partir das 7h da manhã e ficam até às 19h.

O secretário municipal de Saúde, Wilson Pollara, afirmou que a intensificação das ações preventivas na zona norte é fundamental para coibir a propagação da doença em toda a capital. “Estamos expandindo as ações de acordo com as necessidades da região e, por isso, decidimos tanto ampliar os horários de atendimento em todas as nossas unidades de segunda a sexta, quanto abrir também neste fim de semana para dar mais agilidade e atender as pessoas que não conseguem comparecer nos postos no horário regular”, disse.

Quem ainda não consegiui a imunização, pode consultar no site da prefeitura os postos em que a vacina está sendo aplicada de forma gratuita. 

Leia também: Empoderamento feminino e seu protagonismo na luta contra o câncer de mama

Parques fechados

Uma das medias adotadas para impedir a proliferação da doença por toda a capital foi fechar 15 parques por tempo indeterminado. A ação é preventiva e ocorre após a morte de dois macacos nos parques Horto Florestal, no último dia 20, e Anhanguera, no dia 24. Exames identificaram que o animal encontrado sem vida no Horto estava com o vírus e exames preliminares identificaram a doença no macaco encontrado no Anhanguera.

A população deve ficar atenta aos outros parques que foram interditados por tempo indeterminado devido o perido de contágio de febre amarela, sendo eles:  Senhor do Vale, Pinheirinho D’Água, Jacintho Alberto, Rodrigo de Gásperi, Jardim Felicidade, Cidade de Toronto, São Domingos, Tenente Brigadeiro Faria Lima, Lions Tucuruvi, Sena, Linear Canivete, Córrego do Bispo e da Cantareira.

*Com informações da Agência Brasil 

Leia também: Presidente Michel Temer sabia de esquema no FGTS, de acordo com Funaro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.