Temporão diz que Brasil se prepara para "nova onda" da gripe

Governo federal irá liberar R$ 2,1 bilhões para o combate à doença, segundo ministro da Saúde

Camila Campanerut, repórter em Brasília |

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, afirmou que o país está se preparando para uma "segunda onda" da gripe suína (rebatizada de gripe A H1N1 pela OMS), em 2010. "Estamos investindo para estarmos preparados para uma segunda onda [da gripe suína] no ano que vem", atenta o ministro.

A pasta promete investir em capacitação profissional, pesquisas, aumento de leitos, compra de equipamentos e de material para diagnóstico do vírus H1N1.

O ministro indicou que com a liberação de R$ 2,1 bilhões do governo federal até setembro para o combate à nova gripe serão comprados mais de 70 milhões de doses de vacina e mais de 10 milhões de kit de tratamentos.  "Faremos uma licitação internacional para que o Brasil possa ter um estoque confortável", promete Temporão. 

Nesta quarta-feira (26/08), o ministério confirmou que, até o dia 22 de agosto, o país registrou 557 óbitos, que faz o Brasil estar em primeiro lugar no mundo, em número absoluto de mortes. O ministro, no entanto, voltou a defender que a análise deve ser feita comparando ao total da população, o que o deixa na posição de número sete em relação aos demais países do mundo.

Sobre a determinação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de monitorar os usuários do Tamiflu, Temporão alegou que o procedimento é de praxe e que é comum que se verifique  os efeitos colaterais e eficiência do medicamento.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG