Japão contabiliza 4 mil casos da gripe

Tóquio - As autoridades japonesas confirmaram hoje que o número de casos da gripe suína no país chegou a quatro mil pessoas, dois meses e meio depois de o primeiro caso da doença ter sido confirmado no país.

EFE |

A agência de notícias "Kyodo" informou que o Ministério da Saúde japonês confirmou os quatro mil casos no Japão, um dos países com mais ocorrências confirmadas no mundo.

O país não possui nenhum caso grave da doença e também não registrou mortes em decorrência do vírus AH1N1.

Desde maio os casos se espalharam rapidamente no Japão, sobretudo entre jovens estudantes que, em sua maioria, não tinham viajado recentemente ao exterior.

O Japão possui um dos casos da gripe resistentes ao antiviral Tamiflu (Oseltamivir), presentes também na Dinamarca e em Hong Kong, e que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), se trata de pacientes isolados.

Segundo os últimos dados da OMS, divulgados em 7 de julho, 120 países têm casos confirmados da gripe, os quais já superam as 98 mil ocorrências, incluindo 440 mortes.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados.

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG