gripe suína - Gripe Suína - iG" /

Inverno pode acelerar contágio por gripe suína

SÃO PAULO - O Ministério da Saúde confirmou um grande número de casos de gripe suína com a queda de temperatura no Brasil. Com a chegada do inverno a tendência é de aumento na transmissão da doença no País, disse o infectologista Vicente Amato Neto.

Reuters |

"A questão do clima é também um fato muito bem conhecido", disse o médico. "A transmissão pela via respiratória, infelizmente, é uma transmissão muito fácil. Então não é nada impossível que o número de casos aumente".

"O problema é até que ponto vai ser uma doença sustentável", completou Amato Neto.

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, também expressou preocupação com a chegada da nova estação. "É nesta época, com as baixas temperaturas, que as pessoas saem menos, ficam mais em ambientes fechados. Essas condições climáticas favorecem a circulação do vírus da gripe", afirmou Temporão.

Dos casos registrados no país, 41 foram em São Paulo, 24 em Santa Catarina, 19 em Minas Gerais, 14 no Rio de Janeiro, quatro no Tocantins, três no Distrito Federal e dois no Mato Grosso. Bahia e Rio Grande do Sul registraram um caso cada.

Há ainda 117 casos que são considerados suspeitos e outros 522 foram descartados.

Na América do Sul, o Chile registrou três mortes e mais de 3.100 casos da doença e a Argentina confirmou 4 mortes e quase 1.000 casos.

Na semana passada, a OMS declarou a existência da primeira pandemia de gripe em 40 anos, ao elevar seu alerta para o nível máximo de 6. De acordo com a OMS, a gripe H1N1 infectou mais de 40.800 pessoas em 87 países e causou 171 mortes.

(Reportagem de Hugo Bachega)

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG