rebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no município. Nesta sexta-feira, o Estado de São Paulo já registrou cinco novas mortes." / gripe suína no município - Gripe Suína - iG" / rebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no município. Nesta sexta-feira, o Estado de São Paulo já registrou cinco novas mortes." /

Campinas confirma décima morte por gripe suína no município

SÃO PAULO - A Secretaria Municipal de Saúde de Campinas confirmou nesta sexta-feira a décima morte por gripe suína (http://ultimosegundo.ig.com.br/gripesuina/2009/04/30/gripe+suina+oms+decide+adotar+a+denominacao+gripe+a+h1n1+5867930.html target=_toprebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no município. Nesta sexta-feira, o Estado de São Paulo já registrou cinco novas mortes.

Redação com agências |


A vítima é um homem de 46 anos, que morreu no dia 13 de agosto. Ele estava internado desde o dia 31 de julho em um hospital conveniado do SUS e já era um caso confirmado de H1N1 desde o dia 5 de agosto.

A Secretaria Municipal de Saúde de Campinas confirmou nesta sexta-feira a décima morte por "gripe suína" no município. Trata-se de um homem de 46 anos, que morreu no dia 13 de agosto. Ele estava internado desde o dia 31 de julho em um hospital conveniado do SUS e já era um caso confirmado de H1N1 desde o dia 5 de agosto. Nesta sexta-feira, São Paulo já registrou cinco novas mortes.

Com esta morte, Campinas tem oito mulheres e dois homens vítimas da nova gripe. A média de idade dos óbitos foi de 35 anos. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os fatores de risco isolados apresentados por estes pacientes foram: gestação, dois com imunodepressão e dois com obesidade mórbida.

Mais mortes em São Paulo

Secretaria Municipal de Saúde de Jundiaí, no interior de São Paulo, também confirmou nesta sexta-feira uma nova morte pela "gripe suína".

A vítima é uma mulher de Várzea Paulista. Além dela, há outra moradora de Várzea Paulista, uma vítima de Cajamar e outra de Jundiaí que tiveram suas mortes decorrentes da "gripe suína" confirmadas pela Secretaria Municipal de Saúde de Jundiaí.

São José dos Campos também registrou uma morte. Segundo a pasta, a vítima é uma mulher de 49 anos, que estava internada desde o dia 3 de agosto com falta de ar, febre e dor no peito. A paciente sofria de uma doença cardíaca, o que agravou o quadro de saúde. Ela faleceu na noite de ontem.

O exame que confirmou a contaminação pela gripe suína foi entregue ao hospital no dia 12, pelo Instituto Adolfo Lutz. O caso de São José dos Campos se junta a outras duas mortes anunciadas nesta sexta-feira no Estado de São Paulo - uma em Ubatuba, no litoral, e outra em São Bernardo do Campo , no Grande ABC paulista.

Até esta quinta-feira, o País registrava ao menos 277 mortes em decorrência da "gripe suína", a maior parte deles (111) em São Paulo.

Leia também:


Leia mais sobre:
gripe suína


    Leia tudo sobre: campinasgripe suínasaúde

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG