O prefeito de Barra do Quaraí (RS), Maher Jaber (PT), decretou situação de emergência no município de pouco mais de quatro mil habitantes por causa da gripe A (H1N1), conhecida como gripe suína. O objetivo é reforçar o atendimento na unidade de saúde básica da cidade, que tem recebido uma demanda bem acima da média, explicou o prefeito, que participou hoje de reunião de municípios da Fronteira Oeste do Estado com a Secretaria da Saúde, em Porto Alegre.

Jaber observou que o trânsito dos moradores é frequente entre Barra do Quaraí e Uruguaiana, a 60 quilômetros de distância, e Bella Unión, no Uruguai. Uruguaiana também decretou situação de emergência. A Secretaria da Saúde confirmou ontem duas mortes de doentes atingidos pela gripe A na cidade, registradas nos dias 15 e 16 de julho.

O posto de saúde de Barra do Quaraí tem recebido entre 60 e 80 pessoas diariamente, em vez das 25 habituais. O prefeito espera contratar emergencialmente um médico esta semana para reforçar o atendimento. O posto local funciona até às 22h e a prefeitura tentará ampliar seu horário.

Na reunião dos municípios, os prefeitos cobraram resultados mais rápidos de exames realizados em pacientes com suspeita da gripe A. Há casos em que a resposta demora mais de 20 dias, disse Jaber. Os prefeitos também esperam receber equipamentos como respiradores para auxiliar no tratamento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.