Tio de testemunha-chave do caso Bruno tem medo de ser assassinado

Em entrevista ao iG, motorista de ônibus revela que quatro homens estiveram em sua casa na terça-feira. `Eles foram me apanhar'

iG Rio de Janeiro |

O motorista de ônibus J.C., que revelou a participação de seu sobrinho menor de idade no homicídio de Eliza Samudio, afirmou ao iG que quatro homens foram a sua casa terça-feira e que teme ser assassinado.

“Quatro homens em um carro preto foram à minha casa na terça-feira e perguntaram por mim aos vizinhos. Sabiam onde eu morava e com certeza foram para me apanhar”, disse J.C., ao iG .

O rapaz revelou, em depoimento de mais de oito horas, que participara do seqüestro e morte de Eliza Samudio, ex-namorada do goleiro do Flamengo, Bruno. Eliza está desaparecida há cerca de um mês.

Na manhã de segunda-feira, J.C. foi abordado por policiais da Divisão de Homicídios do Rio na empresa de ônibus onde trabalha. Uma equipe da Rádio Tupi estava junto com os policiais e entrevistou o motorista, preocupado com a segurança do menor, que estaria na casa do goleiro Bruno. No mesmo dia, a polícia apreendeu o rapaz de 17 anos na casa de Bruno, no Recreio dos Bandeirantes.

“Os caras foram me pegar. Estou muito preocupado e vou fazer hoje um seguro de vida. Estou com medo. Se eles foram capazes de fazer o que fizeram com a Eliza, que tinha denunciado tudo antes, comigo me arregaçam. Até esse Neném [ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, que teria asfixiado Eliza] pode sair de Minas para me pegar no Rio”, afirmou J.C..

O motorista disse que não tinha noção da repercussão que sua entrevista poderia ter. “Tive de falar o que meu sobrinho me disse para não deixar ele ‘segurar’ [responder na Justiça] sozinho tudo o que aconteceu. Não sabia que isso ia tomar essa dimensão toda”, disse J.C..

“Fui socorrer meu sobrinho e me envolveram em uma coisa dessas”, afirmou J.C.

    Leia tudo sobre: Brunotestemunha-chaveassassinadomedoEliza Samudio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG