Réus foram dispensados de audiência do caso Bruno

Somente Bola vai acompanhar o depoimento das testemunhas de defesa

Alessandra Mendes, especial para o iG |

O goleiro Bruno e outros oito acusados de participação no desaparecimento e suposta morte de Eliza Samudio foram dispensados de participar da audiência desta quinta-feira (21) no Fórum de Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte. A juíza Ana Paula Lobo entendeu que a presença dos réus não seria necessária durante a oitiva das cinco testemunhas de defesa marcadas para esta tarde. Apenas o ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, acompanha a audiência em Vespasiano.

De acordo com o Tribunal de Justiça de Minas Gerais, a juíza deixou a critério da defesa de Bola decidir pela presença ou não dele no local. Isso porque quatro testemunhas que vão prestar depoimento hoje foram arroladas pelos defensores de Bola. Os advogados acharam melhor o ex-policial acompanhar a oitiva de perto. A outra testemunha marcada para hoje foi convocada pela defesa da ex-mulher de Bruno, Dayanne Souza. Mas Dayanne não estará presente durante o depoimento.

Na primeira audiência em Vespasiano, no dia 7 de outubro, estavam arroladas 16 testemunhas, mas apenas nove foram ouvidas. Duas testemunhas não devem comparecer nesta quinta-feira (21), de acordo com o TJMG.

Todas as pessoas que estão sendo ouvidas fora de Contagem, na Grande BH, onde corre o processo, são depoentes por carta precatória. O juiz responsável por cada uma dessas comarcas é que decide se requisita ou não a prensença dos réus durante as audiências.

Novos depoimentos

Na próxima terça-feira (26), serão realizadas outras duas audiências do processo em que Bruno e mais oito pessoas respondem pelo desaparecimento e suposta morte de Eliza Samudio. De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, sete testemunhas serão ouvidas semana que vem em Esmeraldas, na Grande BH. Ainda na terça-feira (26), outra audiência do processo acontecerá em Pitangui, região central do Estado.

Segundo o TJMG, todos os réus foram requisitados a comparecer na audiência em Esmeraldas: o goleiro Bruno, Luiz Henrique Ferreira Romão (o Macarrão), Wemerson Marques (o Coxinha), Flávio Caetano, Elenílson Vítor da Silva, Sérgio Sales (primo de Bruno), Marcos Aparecido dos Santos (o Bola), Dayanne Souza (ex-mulher de Buno) e Fernanda Gomes de Castro (ex-namorada do jogador). Os réus só devem ser interrogados em novembro no Fórum de Contagem.

    Leia tudo sobre: goleiro BrunoEliza Samudio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG