Polícia encontra parede falsa na casa de Bola em Vespasiano

Buscas pelo corpo de Eliza Samudio também serão realizadas no sítio de Bruno em Esmeraldas

Alessandra Mendes, especial para o iG |

Policiais civis encontraram nesta quarta-feira uma parede falsa na casa do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, na rua Araruama, no bairro Santa Clara, em Vespasiano, região metropolitana de Belo Horizonte. Os agentes derrubaram a parede, mas ainda não há informações sobre o que havia atrás. O Corpo de Bombeiros foi acionado e está indo para o local. Técnicos do Departamento de Geologia da Universidade Federal de Minas Gerais estão na casa com um equipamento chamado GPR. Ele faz um raio X do terreno para ver onde existam locais ocos ou com terra fofa. O menor J., de 17 anos, disse em depoimento que ouviu Luiz Henrique Romão, o Macarrão, dizer que Bola havia concretado os restos mortais de Eliza.

Também serão realizadas buscas hoje à tarde no sítio do Bola e do goleiro Bruno, ambos em Esmeraldas (MG). Eles tentam encontrar vestígios do corpo de Eliza Samudio, de 25 anos, ex-amante do atleta e desaparecida desde o início de junho. Nesta terça-feira (13), a polícia e os peritos estiveram no sítio do goleiro para realizar exames e análises periciais em dois cômodos.

AE
Polícia retoma buscas na casa de Bola

Ontem, o adolescente J., de 17 anos, afirmou novamente que Bruno não esteve presente no local em que sua ex-amante foi supostamente morta, contrariando declaração de outro primo do goleiro, Sérgio Rosa Sales. O jovem foi ouvido na tarde de ontem pelo promotor Leonardo Barreto Moreira Alves após ter sido transferido do Rio de Janeiro para a capital mineira, onde ficará por 45 dias no Centro de Internação Provisória (CEIP).

De acordo com o promotor, o menor ficará à disposição da Justiça até a conclusão de um procedimento aberto no Juizado da Infância e Juventude que correrá paralelamente ao inquérito instaurado pela Delegacia de Homicídios de Contagem (MG).

Agência Estado
Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, na Penitenciária Nelson Hungria em Contagem, Minas Gerais

    Leia tudo sobre: Goleiro brunodesaparecimentoeliza samudio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG