Laudos ainda não estão prontos, diz delegado

Fios de cabelo e sangue recolhidos do sítio de Bruno podem ser de Eliza

Alessandra Mendes, especial para o iG |

O chefe do Departamento de Investigações de Belo Horizonte, Edson Moreira, que saiu da delegacia para buscar laudos periciais no Instituto de Criminalística, voltou sem respostas.

 O delegado afirmou que os exames de DNA do sangue e fios de cabelo encontrados no sítio de Bruno, que seriam de Eliza Samudio, ainda não estão prontos.

Os laudos vão dizer se o material genético recolhido no sítio do jogador na semana passada são da ex-amante de Bruno.

Eliza teria sido assassinada no dia 9 do mês passado, após ter sido mantida em cárcere privado na casa do jogador no Rio de Janeiro e também no sítio dele em Esmeraldas. Os resultados dos exames devem ser divulgados nos próximos dias.

    Leia tudo sobre: LAUDOELIZA SAMUDIODNA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG