Justiça recebe 5º pedido de liberdade de Bruno em 24h

Desta vez, pedido não foi feito pelo advogado do goleiro e sim por um cidadão comum

AE |

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) confirmou que recebeu, na tarde desta quinta-feira, mais um pedido de liberdade em favor do goleiro Bruno Fernandes Souza. Outros quatro pedidos de liberdade já haviam sido impetrados em nome de Bruno desde quarta-feira. O atleta está preso temporariamente na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG), suspeito de participar do desaparecimento e suposta morte da ex-amante Eliza Samudio.

O TJ-MG informou que não foi um advogado que entrou com o pedido dessa vez, mas sim um cidadão comum cujo nome não foi divulgado. O desembargador Doorgal Andrada, da 4ª Câmara Criminal, deve julgar esse e outro pedido até amanhã, já que é uma medida em caráter de urgência.

De acordo com o TJ-MG, dois pedidos já foram arquivados, e um, negado. O desembargador já havia negado dois pedidos de habeas corpus a favor de Bruno há uma semana.

    Leia tudo sobre: brunogoleiroflamengoeliza samudiodesaparecimento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG