Fernanda pode ser indiciada no caso Eliza Samudio

Delegado estuda a possibilidade de indiciar amante de goleiro pelo sequestro de Eliza

Alessandra Mendes, especial para o iG |

O delegado Edson Moreira, chefe do Departamento de Investigações, não descarta a possibilidade de indiciar Fernanda Gomes de Castro pelo desaparecimento e assassinato de Eliza Samudio, ex-amante do goleiro Bruno. A declaração foi feita nesta tarde durante esntrevista coletiva à imprensa.

Para o delegado há dois motivos para que isso aconteceça: Fernanda, amante de Bruno, esteve na casa do goleiro no Rio de Janeiro cuidando do filho de Eliza que vinha sendo mantida em cárcere privado.

"Ela possivelmente pode ser indiciada no processo, a opção ainda está sendo analisada. Ela veio espontâneamente prestar depoimento na delegacia esta semana e deu uma versão que corroborou a nossa investigação", afirmou Moreira.

Além disso, Fernanda esteve no motel com o jogador e depois seguiu para o sítio do goleiro em Esmeraldas, onde Eliza ficou até ser levada para a morte no dia 9 do mês passado. Moreira não respondeu se pretende pedir a prisão provisória da outra amante de Bruno que já esteve em programas de televisão para contar sua versão da história.

    Leia tudo sobre: FERNANDA GOMESELIZABRUNO

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG