Delegado cobra resultado de exame de DNA

Resultado da perícia deve sair apenas na próxima semana

Alessandra Mendes, especial para o iG |

O resultado da comparação entre o sangue encontrado no carro do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, e do material coletado do pai de Eliza, Luiz Carlos Samudio, deve sair só na semana que vem. O chefe do Departamento de Investigações, Edson Moreira, disse que se reuniu na manhã desta terça-feira (6) com os peritos para saber o motivo da demora da conclusão do exame.

Os técnicos teriam informado que trata-se de uma análise muito complicada, que demanda um longo trabalho. Ainda foi dito que após a conclusão deste exame, outros terão que ser feitos como contra-prova, para se chegar a um resultado que não deixe dúvidas.

O resultado do exame de contra-prova que vai dizer se Eliza ingeriu medicamentos abortivos quando estava grávida deve sair ainda nesta terça-feira. O primeiro exame apontou a presença de abortivos na urina de Eliza, coletada há oito meses, quando ela estava grávida.

Estes laudos são itens importantes no inquérito, já que podem se tornar elementos fundamentais, caso a polícia não encontre o corpo de Eliza. Os exames tornariam-se então provas de materialidade indireta, que também subsidiam o possível indiciamento do goleiro do Flamengo.

Leia mais:

Polícia apreende menor em condomínio de Bruno no Rio
Equipes retomam buscas por possível corpo de Eliza em Minas
Pai sobre filme pornô de Eliza: “Ela não pode se defender"
Testemunha contradiz Bruno e diz que levava comida para Eliza
Bruno diz que está sofrendo com desaparecimento de Eliza

    Leia tudo sobre: goleiro brunoeliza samudiodesaparecimento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG