Bruno e Macarrão chegam ao Rio para audiência

Os dois vão participar da 1ª audiência em que são acusados de sequestro, cárcere privado e lesão corporal contra Eliza Samudio

Alessandra Mendes, especial para o iG |

André Ricardo
Viaturas com Bruno e Macarrão acessam a garagem subterrânea do fórum
O goleiro Bruno Fernandes e o amigo Luiz Henrique Romão, conhecido como Macarrão, chegaram por volta do meio-dia desta quinta-feira ao Fórum de Jacarepaguá, na zona oeste do Rio. Às 14h, terá início a primeira audiência marcada do processo em que eles são acusados pelos crimes de sequestro, cárcere privado e lesão corporal contra Eliza Samudio, ex-amante de Bruno.

O ex-jogador do Flamengo e Macarrão chegaram em um comboio composto por três viaturas da Polícia Civil. Os veículos entraram pelo estacionamento subterrâneo, que dá acesso à carceragem do fórum. Muitos curiosos estão no entorno, inclusive torcedores do Flamengo vestindo a camisa que o atleta usava quando atuava no clube rubro-negro.

Audiência

Na audiência desta quinta-feira, serão ouvidas cinco testemunhas de acusação, convocadas pelo Ministério Público. São elas: Milena Baroni Fontana, amiga de Eliza, Maria Aparecida Mallet, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher, Carlos da Conceição Freitas e Matheus Laguer Dantas, porteiros do prédio “Varanda da Barra” onde o Bruno morava, e um jornalista do jornal Extra. O repórter fez uma gravação mostrando Eliza na porta da delegacia no dia em que prestou queixa.

Bruno e Macarrão não prestarão depoimento, mas vão estar presentes em todas as oitivas. As testemunhas de defesa serão interrogadas em outra oportunidade, com data ainda não definida. O Promotor do caso, Eduardo Paes, afirmou que está confiante e tem provas de que Eliza foi sequestrada e agredida. O advogado de defesa do atleta, Marcos Carvalho, disse que há contradição no depoimento das testemunhas.

O juiz que está com o caso, Marco José Mattos Couto, solicitou que Bruno e Macarrão fiquem à disposição da Justiça do Rio por 30 dias. Nesse período, os dois deverão participar de outras audiências sobre o suposto sequestro, cárcere e lesão corporal contra Eliza e ficarão presos no Complexo Penitenciário de Bangu.

Bruno e Macarrão também são réus no processo que corre em Minas Gerais, que investiga o desaparecimento e suposta morte de Eliza Samudio, ex-amante do goleiro, com quem ele teria um filho. A Justiça mineira aceitou a denúncia do Ministério Público contra o atleta, o amigo dele e outros sete envolvidos no desaparecimento e suposto assassinato da jovem. Eles aguardam o julgamento presos. As penas podem ultrapassar 30 anos de cadeia.

Chegada ao Rio

Bruno e Macarrão chegaram por volta das 10h50 desta quinta-feira ao Aeroporto Santos Dummont, no centro do Rio de Janeiro. De lá, eles seguiram para o Instituto Médico Legal (IML), onde realizaram um exame de corpo de delito.

André Ricardo
Viatura com Bruno chega ao Fórum de Jacarepaguá
O iG teve acesso aos detalhes de como foi realizada a operação de transferência de Bruno e Macarrão. Os dois saíram da penitenciária de segurança máxima Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e seguiram direto para o Aeroporto da Pampulha. De lá, embarcaram no avião Bandeirante da Polícia Civil mineira até o Rio de Janeiro.

Dentro do avião, um bimotor turbo-hélice, estavam três policiais civis da Polinter de Minas, responsáveis por operações inter-estaduais, três agentes do Cope - o Comando de Operações Especiais do Sistema Prisional de Minas -, além dos dois pilotos, um observador aéreo e os dois presos: Bruno e Macarrão. Os dois já estiveram no mesmo avião anteriormente, quando foram levados do Rio para Minas, quando foram presos no início do mês passado.

Tanto os policiais civis, quanto os agentes do Cope foram escolhidos para a operação por serem profissionais de confiança, já que se trata de um trabalho sigiloso. Bruno e Macarrão vestiram um uniforme vermelho da Suapi - a Subsecretaria de Administração Prisional de Minas. 

André Ricardo
Curiosos fazem plantão em frente ao fórum

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG