Giuseppe Vecci cotado para ser `homem-forte¿ de Marconi

Coordenador da vitoriosa campanha tucana poderá assumir pasta da Fazenda ou Planejamento

Rodrigo Viana, iG Goiânia |

O coordenador responsável pelo plano de governo de Marconi Perillo (PSDB) durante a campanha, Giuseppe Vecci, desponta como um dos primeiros nomes possíveis para ocupar um dos cargos no novo governo tucano.

Giuseppe foi o responsável pelas principais propostas de campanha e é apontado por fontes dentro do comitê como um dos nomes que levará a frente a Secretaria da Fazenda ou do Planejamento.

Apesar da equipe de transição ser apresentada apenas na próxima semana pelo governador eleito, os principais responsáveis pela campanha eleitoral já ganham importância na formação do novo quadro.

Vecci foi o responsável pela apresentação do plano de governo ainda no primeiro turno. Documento este que contou com a participação de 311 auxiliares, em nove meses de trabalho, sempre coordenado pelo economista ligado a Marconi.

A parceria com Marconi não será nova, já que Vecci passou pelo Planejamento e pela Fazenda na gestão tucana (1998-2006).

Se chegar ao Planejamento, os maiores desafios serão lidar com o desaparelhamento que ocorreu na gestão Alcides. Nos últimos quatro anos, o ex-secretário Jorcelino Braga acumulou poderes e se tornou  uma espécie de "super-secretário".

Caso chegue à Fazenda, Vecci teria de lidar com os problemas financeiros do Estado, principalmente no que tange o repasse do ICMS da energia para os municípios.

Isso sem contar com a resolução dos problemas financeiros da companhia elétrica Celg - que Alcides afirma se resolver com o empréstimo de R$ 3,7 bilhões da Caixa - e uma situação similar na empresa de saneamento e abstecimento de água Saneago, que foi citada pelos candidatos durante a campanha, mas não aprofundada.

Correndo por fora para ocupar a vaga na Fazenda também está Valdivino Oliveira, o recém-tucano que abandonou o PMDB após ser ser preterido por Iris Rezende nas eleições municipais de 2008.

Valdivino era vice-prefeito de Goiânia que, após as eleições, ocupou a Secretaria da Fazenda do DF na gestão Arruda.

    Leia tudo sobre: Eleições GOEleições Marconi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG