'Federal' tem boas intenções, mas peca na realização

Filme policial de Erik de Castro mostra investigação sobre tráfico em Brasília

Mariane Morisawa, especial para o iG |

É dura a missão de "Federal", filme de Erik de Castro que integra a seção Panorama do Cinema Mundial do Festival do Rio e estreia no dia 29 de outubro em circuito comercial. Goste-se ou não de "Tropa de Elite", é inegável que o longa-metragem de ação dirigido por José Padilha aborda o trabalho da polícia no Brasil de forma competente.

"Federal" começou a ser gestado há muito tempo – o roteiro participou do laboratório de Sundance em 2001, e a produção foi rodada em 2006. Na trama ambientada em Brasília, Vital (Carlos Alberto Riccelli), delegado da Polícia Federal, arma um time para combater o poderoso traficante de drogas Béque (Eduardo Dussek), que tem ligações com gente poderosa. Participam da equipe o policial federal novato Dani (Selton Mello), o PM Rocha (Christovam Neto) e o policial civil Lua (Cesário Augusto). A investigação ainda conta com a participação do agente especial da Agência Americana Anti-Drogas Sam Gibson (Michael Madsen).

Cheio de boas intenções de fazer um policial à brasileira, "Federal" consegue mostrar a complexidade da situação do País e os problemas da polícia, mas derrapa na realização. Os diálogos do roteiro são ditos como se fossem diálogos de um roteiro e não falas de uma pessoa. Um ator talentoso como Selton Mello consegue escapar das armadilhas, mas é mais complicado para o resto do elenco.

As piores sequências ficam com as mulheres da trama, da grávida casada com Vital à “diplomata” festeira que se envolve com Dani e à prostituta que se relaciona com Rocha. Todas beiram o histerismo e têm seus corpos explorados à exaustão. Nas cenas de ação, o filme vai melhor, apesar de muitas contarem com certo artificialismo. "Federal", assim como o recente "400 contra 1", prova que fazer policiais e filmes de ação é mais difícil do que parece.

Onde e quando assistir:

26/09 - Espaço de Cinema 1 - 14h45 / 19h15

27/09 - Roxy 3 - 16h30 / 21h30

28/09 - Leblon 2 - 16h30 / 21h30

29/09 - Cinemark Downtown 1 - 14h / 19h

Assista ao trailer de "Federal":

    Leia tudo sobre: Festival do RioFederal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG