Cariocas lotam cinemas em final de semana nublado

Festival do Rio teve procura recorde por ingressos para sessões deste sábado

Luisa Girão e Valmir Moratelli, iG Rio de Janeiro |

George Magaraia
Espaço de Cinema, em Botafogo: salas lotadas neste final de semana

Programa preferido dos cariocas para final de semana com tempo nublado é ir ao cinema. O Festival do Rio teve recorde de público em seu terceiro dia, neste sábado (25), quando as sessões noturnas em suas mais de trinta salas espalhadas pela cidade registraram grande presença do público.

No cine Odeon, com a exibição do documentário “Complexo – Conexão Urbana” e, em seguida, o longa de ficção “Riscado”, os ingressos se esgotaram no final da tarde. Em outro ponto da cidade, no Espaço Botafogo, na zona sul, as salas de exibição também estiveram lotadas. Os ingressos para o documentário “José e Pillar” foram bastante disputados.

“Adoro este clima da cidade, com menos calor. Isso convida as pessoas a procurarem lazer longe das areias da praia. O´cinema é uma ótima opção”, disse o português Ricardo Pereira, que foi ao Odeon, no centro do Rio, conferir o trabalho do diretor – o também lusitano – Mario Penteado, de “Complexo – Conexão Urbana”.

George Magaraia
Ricardo Pereira e a namorada Francisca Pinto, no Cine Odeon

Por causa do diretor de Portugal, muitos que compareceram ao local eram também portugueses. “Vim conferir o trabalho dele, gosto muito”, afirmou a estudante Ester Roque, de férias no Brasil.

Otávio Muller, no elenco de “Riscado”, é outro que prefere o cinema quando o clima não está para o sol. “Todo dia é dia de cinema, basta ter filme bom. Mas é claro que, quando o tempo está mais frio, não tem jeito, o melhor é correr para uma sala de cinema”, disse o ator, que faz uma participação no longa que está na mostra competitiva.

O Festival do Rio segue até o dia 7 de outubro.

    Leia tudo sobre: festival do rio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG