Festival de Berlim: Bob Marley e Primavera Árabe são temas de documentários

Evento ainda terá produções apresentadas por Javier Bardem e Keanu Reeves

Mariane Morisawa, enviada especial a Berlim |

Divulgação
"Marley", documentário de Kevin MacDonald
Tem gente competindo pelo Urso de Ouro e há outros passando em Berlim para dar uma vitaminada na campanha pelo Oscar, como “Tão Forte e Tão Perto”, de Stephen Daldry, e “A Dama de Ferro”, de Phyllida Lloyd. Mas alguns dos principais destaques desta do Festival de Berlim 2012 são os documentários dirigidos ou protagonizados por estrelas, exibidos em sessões especiais.

“Marley”, de Kevin MacDonald, foca na vida e na carreira do cantor e compositor Bob Marley (1945-81), autor de sucessos como “No Woman No Cry”. O diretor de “O Último Rei da Escócia” entrevistou familiares, amigos e amantes do jamaicano.

Siga o iG Cultura no Twitter

Outra figura polêmica, o artista plástico chinês Ai Weiwei, preso pelo governo no ano passado , é o tema de “Ai Weiwei: Never Sorry”. A diretora Alison Klayman o seguiu durante dois anos, registrando seus protestos contra o regime, sua relação com a família e a criação de obras para exposições ao redor do mundo.

Já a diretora Klaartje Quirjins faz, em “Anton Corbijn Inside Out”, um retrato do fotógrafo holandês que registrou em imagens grandes nomes da música, como Joy Division, U2 e Björk, e dirigiu “Control”, filme de ficção sobre Ian Curtis (1956-80; ex-vocalista do Joy Division), e "Um Homem Misterioso" .

Acesse o especial Festival de Berlim

Divulgação
O ator Keanu Reeves no documentário 'Side by Side'
Um dos maiores atores da atualidade, o espanhol Javier Bardem apresenta o drama do povo Sahrawi, forçado a sair de suas terras no Marrocos na década de 1970 e que tem lutado para conseguir uma definição sobre sua reivindicação. O documentário "Hijos de las Nubes" , dirigido por Álvaro Longoria, defende que a Primavera Árabe começou nessa região e que questões econômicas impediram países como EUA e França de intervir.

Leia também: "Somos um festival político", confirma diretor do Festival de Berlim

Já “Side by Side”, dirigido por Chris Kenneally, traz o sumido Keanu Reeves como entrevistador. O astro de “Matrix” conversou com cineastas consagrados, como David Lynch, Martin Scorsese e James Cameron, sobre as tecnologias analógica e digital na feitura de filmes.

“Death Row”, por sua vez, tem seu maior astro atrás das câmeras. O cineasta alemão Werner Herzog entrevista cinco condenados à morte nos Estados Unidos, de um serial killer a dois homens que conseguiram escapar de uma prisão de segurança máxima.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG