Exército colombiano mata 3 guerrilheiros de Farc e detém 17

Bogotá, 9 mai (EFE).- Tropas do Exército colombiano reportaram hoje a morte de três guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), além da captura de outros 17, em operações realizadas em duas regiões do país.

EFE |

Bogotá, 9 mai (EFE).- Tropas do Exército colombiano reportaram hoje a morte de três guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), além da captura de outros 17, em operações realizadas em duas regiões do país. Segundo uma nota de imprensa divulgada pela IX Brigada do Exército, soldados mataram, perto de Neiva, no sul do país, três supostos guerrilheiros das Farc, entre eles o conhecido como Jorge, terceiro líder da quadrilha Angelino Godoy. De acordo com o comunicado das autoridades colombianas, Jorge é responsável pelo assassinato de pelo menos 10 pessoas e pelo sequestro de outras 15. Além disso, é acusado de ter participado nos últimos dois anos de três atentados terroristas contra oficiais da Polícia em Neiva, capital do departamento de El Huila. Na mesma operação, outros 17 supostos membros das Farc foram capturados, entre eles o irmão do conhecido como Mincho, comandante da frente 30 da guerrilha. Segundo a rádio "Caracol", entre os detidos há 10 homens e quatro mulheres, dois dos quais asseguraram ser representantes de duas ONGs. De acordo com o diretor da regional quatro da Polícia, general Gustavo Adolfo Ricaurte, as operações tem o objetivo de capturar Mincho. EFE ocm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG