Presidente do DEM no DF tenta visitar Arruda e não consegue

O presidente do Democratas no Distrito Federal (DF), Osório Adriano, tentou neste domingo sem sucesso visitar o governador licenciado, José Roberto Arruda (sem partido), que está preso na Superintendência da Polícia Federal em Brasília. Ele foi impedido de entrar por não ter o nome relacionado na lista de hoje de pessoas autorizadas a visitar o governador

Agência Brasil |

ara fazer parte da lista, é preciso ter a autorização do advogado de defesa e da Polícia Federal. Osório Adriano evitou falar sobre a situação do partido no DF. Disse apenas que estava ali para fazer uma visita ao amigo.

Ele afirmou que o partido determinou que todos os filiados do DEM no DF, que estejam ocupando cargos no governo, deixe-os até quinta-feira (18). Na sexta-feira (19), o governador interino, Paulo Octávio, deixou a presidência do DEM.

Além de Osório Adriano, mais duas pessoas tentaram visitar o governador licenciado: uma professora identificada como Anita Grossi e um aposentado conhecido como Adilson Didi.

Leia também:

Saiba mais sobre escândalo no DF

    Leia tudo sobre: arruda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG