Acusado no escândalo do DF usa direito de ficar calado em depoimento à Polícia Federal

O policial civil aposentado Marcelo Toledo Watson, acusado de envolvimento no suposto esquema do mensalão do Distrito Federal, esteve nesta terça-feira na Superintendência da Polícia Federal para prestar depoimento sobre o caso.

iG São Paulo |

  • Justiça afasta 'deputado da meia' da presidência da Câmara
  • Veja todos os vídeos, fotos e notícias do escândalo no DF

    Durante 15 minutos, porém, no encontro com o delegado Alfredo Junqueira ¿ designado para ouvi-lo, Toledo usou a prerrogativa dada pelo Supremo Tribunal Federal de não fazer declarações. Na segunda-feira, ele havia conseguido no Supremo o direito de não ser preso durante o depoimento e de permanecer calado diante de perguntas que pudessem incriminá-lo.

    O presidente do Supremo, ministro Gilmar Mendes, considerou que Toledo foi chamado a depor por ter sido acusado pelo autor das denúncias do suposto esquema, o ex-secretário de Relações Institucionais do Distrito Federal Durval Barbosa, o que justifica um possível constrangimento. Toledo é acusado de ser um dos arrecadadores do chamado "mensalão do DEM".

    Com autorização judicial, Durval Barbosa filmou dezenas de vídeos nos quais parlamentares distritais, empresários e até o governador José Roberto Arruda (sem partido) recebem dinheiro de um suposto esquema de arrecadação e distribuição de propina, investigado pela Operação Caixa de Pandora, da PF. O iG divulgou em primeira mão o vídeo de Arruda.

    Novo depoimento

    Segundo o advogado Raul Livino, que defende Toledo, ele deverá voltar à Superintendência da Polícia Federal em 30 dias para prestar novo depoimento.

    A defesa não descarta a possibilidade de Toledo conseguir o benfício da delação premiada, em que poderia ter sua eventual pena reduzida. Raul Livino diz que, embora ainda não tenha tido acesso às peças do inquérito, entende que a situação de Marcelo Toledo é intermediária entre investigado e declarante.

    (*com informações das agências Brasil e Estado)

    Leia mais sobre: Escândalo no DF

    • Leia tudo sobre: escândalo no df

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG