Em Dom Aquino, Silval evita prefeito suspeito de pedofilia

Governador prossegue campanha na cidade, ainda traumatizada pelas denúncias

Marcello Sigwalt - iG Brasília |

Em campanha pela reeleição, o governador Silval Barbosa (PMDB) terá de passar hoje por uma “saia justa” na cidade de Dom Aquino - a 166 km de Cuiabá.

É que seu aliado, o prefeito Eduardo Zeferino (PR) é suspeito de abusar sexualmente de meninas entre sete e 11 anos.

A primeira providência do comitê de campanha de Barbosa é evitar a todo custo que o candidato suba no mesmo palanque que Zeferino.

O governador deverá optar pelo silêncio, em contraste com a cidade, ainda traumatizada pelo episódio.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG