Sarah Palin é rejeitada por jovens americanos, diz pesquisa

A designação de Sarah Palin como candidata à vice-presidência dos Estados Unidos foi mal recebida pelos jovens americanos e tirou votos do republicano John McCain neste segmento, revela uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira.

AFP |

"Durante o processo de seleção dos candidatos à vice-presidência (...) muitos acreditaram que a indicação de Palin promoveria entre os jovens a candidatura de McCain", lembrou John Della Volpe, diretor de pesquisas do Instituto de Política da Universidade de Harvard.

Dos 2.400 jovens com entre 18 e 24 anos consultados durante quatro semanas entre setembro e outubro, 40% declararam que a designação de Palin os afastou da candidatura republicana, e que, provavelmente, não votarão em McCain nas eleições de 4 de novembro nos Estados Unidos.

Apenas 25% dos jovens entrevistados atribuem à Palin seu futuro voto em McCain, enquanto 35% afirmam que a indicação da governadora do Alasca não alterou sua opinião.

"No momento, os dados revelam que a escolha de Palin não ajudou, e até prejudicou a chapa republicana", destaca Della Volpe.

A pesquisa da Universidade de Harvard (Massachusetts) também revela que 56% dos jovens americanos apóiam o candidato presidencial democrata, Barack Obama, e 30% votam em McCain.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG