Quênia decreta feriado por eleição de Obama

O presidente queniano, Mwai Kibaki, decretou feriado na quinta-feira no país para celebrar a eleição histórica à presidência dos Estados Unidos de Barack Obama, cujo pais era queniano, anunciaram fontes oficiais nesta quarta-feria.

AFP |

O presidente Kibaki enviou uma mensagem de felicitação ao presidente eleito Barack Obama", afirma um comunicado oficial.

"O presidente Kibaki decretou amanhã, 6 de novembro, feriado para que os quenianos possam celebrar a conquista histórica do senador Obama e de nosso país", acrescenta a nota.


Quenianos vão às ruas comemorar a vitória de Barack Obama / AP

"A vitória do senador Obama é a vitória de nosso país, por suas raízes, aqui no Quênia", afirmou Kibaki, segundo o texto.

Na aldeia de Kogelo, onde vive a avó paterna de Obama, a multidão que durante toda a noite acompanhou o desenvolvimento da eleição americana em um telão gigante recebeu a notícia da vitória de Obama com gritos e emoção.

"O senador Obama é nosso novo presidente. Deus respondeu a nossas orações", comentou um pastor.

"Esta vitória faz com que nos sintamos realmente bem", afirmou, Roselyne Ayaro, que exibia uma foto de Barack Obama.

A campanha democrata

  • Barack Obama, o candidato com a proposta de "mudança"
  • Joe Biden, um veterano em temas de segurança nacional
  • Principais metas dos democratas nos EUA
  • A campanha de Obama em imagens
  • Relembre a campanha democrata; veja galeria de fotos

    Entenda

    Opinião

  • Caio Blinder: Parabéns, presidente Obama
  • Gerald Thomas: Obama é o novo presidente dos EUA
  • Nahum Sirotsky: Após 200 anos, completou-se a revolução democrática americana 

    Leia também:

    • Leia tudo sobre: eleições nos eua

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG