Obama diz que pode declarar vitória em 20 de maio

O aspirante democrata à Casa Branca, Barack Obama disse nesta quinta-feira que pode declarar sua vitória sobre Hillary Clinton à indicação democrata à presidência no dia 20 de maio, caso obtenha maior número de delegados nas primárias de Kentucky e Oregon.

AFP |

"Se chegarmos a esse ponto teremos a maioria dos delegados, o que é possível; então, creio que poderemos anunciar concretamente que obtivemos a maioria nas primárias encerrando a competição e que teremos ganhado", disse Obama à rede de televisão NBC.

"Mas penso que também é importante para nós, se ganharmos, unir o partido", ressaltou Obama, que recusou aderir aos pedidos de Hillary para que abandonasse a corrida pela nomeação democrata.

"Uma das grandes preocupações óbvias que todos temos é centralizar nossa atenção nos republicanos, e estamos em forte posição para fazê-lo", disse Obama.

De acordo com sua equipe de campanha, Obama precisa somente de mais 33 delegados para obter a indicação oficial democrata.

Na próxima terça-feira na Virgínia ocidental estão em jogo 28 delegados, em um estado considerado território de Hillary. Em 20 de maio, Oregon elegerá 52 delegados e Kentucky, 51.

No entanto, ainda que obter a maioria dos delegados é um fator importante, Obama também precisará do apoio dos chamados "superdelegados" democratas para ser nomeado pelo partido na convenção democrata que será realizada em junho, em Denver.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG