Michael Moore sugere filha de Kennedy como candidata a vice de Obama

Washington, 20 ago (EFE) - O cineasta Michael Moore quer que a chapa democrata para as eleições de novembro seja Obama-Kennedy, com Caroline Kennedy, a filha do presidente dos Estados Unidos assassinado John F. Kennedy, como companheira de Barack Obama.

EFE |

Exatamente no momento em que o candidato democrata à Casa Branca está imerso no processo de escolha do vice-presidente, Moore, um homem da ala esquerda do partido democrata, pediu a Obama em carta divulgada hoje que deixe de lado aspirantes mais convencionais e escolha alguém que não seja um político profissional.

Essa pessoa, em sua opinião, deve ser Caroline Kennedy, a quem descreveu como "uma das mulheres mais queridas e respeitadas" nos Estados Unidos.

"Não posso pensar em uma chapa de maior êxito que uma que diga: Obama-Kennedy", afirmou Moore na carta que enviou a Kennedy, porque é precisamente ela quem lidera o comitê ao qual o senador por Illinois encarregou de encontrar o melhor companheiro de candidatura.

Na carta, divulgada em seu site, Moore aconselha Obama a não escolher os senadores Joseph Biden e Evan Bayh, dois dos nomes mais cotados para o posto, porque votaram a favor da autorização legislativa que permitiu ao presidente americano, George W. Bush, invadir o Iraque.

Em "Fahrenheit 11 de Setembro", de 2004, Moore criticou de forma ácida os motivos da intervenção militar no país.

Em sua carta, também sugeriu a Obama que não selecione Tim Kaine, governador da Virgínia, alegando que ele é pouco conhecido no país.

Por outro lado, Caroline Kennedy tem o sobrenome de uma das famílias políticas de mais peso dos EUA.

A única filha viva de JFK deu seu apoio a Obama em um momento-chave, dias antes do bloco de primárias conhecido como "super-terça", em 5 de fevereiro.

Caroline disse em artigo de opinião publicado no jornal "The New York Times" que Obama pode ser um presidente comparável ao que foi seu pai.

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG