Gays republicanos oferecem apoio a John McCain

SAINT PAUL - O grupo Log Cabin Republicans, que representa homossexuais republicanos, formalizou na quarta-feira seu apoio ao candidato do partido, John McCain, algo que não ocorreu há quatro anos com George W. Bush.

Reuters |

O anúncio deve reforçar a imagem de McCain como um político capaz de abranger diversos públicos, mas pode ser mal-recebido pelo eleitorado cristão conservador.

'O senador McCain não é George Bush no que diz respeito a questões gays. Estamos muito mais otimistas e entusiasmados com o senador McCain', disse à Reuters Patrick Sammon, presidente do grupo, que reúne 20 mil filiados.

O Log Cabin apoiou Bush em 2000, mas não o fez em 2004, quando o Partido Republicano usou a oposição ao casamento gay como chamariz para o eleitorado evangélico.

Mas o grupo aprecia McCain por sua oposição à tentativa, afinal arquivada, de aprovar uma lei federal contra o casamento gay. 'O senador McCain ficou conosco, agora estamos com ele. O senador McCain demonstrou coragem ao bancar a aposta contra a liderança do seu próprio partido e o presidente, votando duas vezes contra a emenda', disse o Log Cabin.

Sobre a candidata a vice dele, a conservadora Sarah Palin, a ordem do grupo por enquanto é 'esperar para ver'.

'Não sabemos muito a respeito dela. Em suas declarações públicas, ela diz ter amigos gays e não julgar', disse Jimmy LaSalvia, diretor de programas e política da agremiação.

A escolha de Palin, governadora do Alasca, entusiasmou a base cristã conservadora do Partido Republicano especialmente por sua oposição ao direito ao aborto.

Sammon disse que a organização acha positivo o fato de a campanha de McCain não estar inflamando os ânimos a respeito da questão do casamento gay. No dia da eleição, 4 de novembro, haverá também plebiscitos sobre o tema na Califórnia e na Flórida.

O Log Cabin disse haver cerca de 24 delegados abertamente homossexuais na Convenção Republicana em Saint Paul.

Ser gay assumido não é fácil num partido em que há grande presença de cristãos, especialmente evangélicos, que lêem a Bíblia ao pé da letra e acreditam haver sanções divinas contra a homossexualidade.

Membros do Log Cabin Republicans dizem ser fiéis ao partido por causa de princípios como responsabilidade fiscal e defesa nacional. Há poucas pesquisas a respeito, mas em geral os eleitores gays preferem o Partido Democrata.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG