Ex-presidente Jimmy Carter indica que apoiará Barack Obama

WASHINGTON - O ex-presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter se inclina por apoiar as aspirações do senador Barack Obama a ser candidato presidencial democrata nas eleições de novembro, confirmou hoje uma de suas assessoras em Atlanta (Geórgia).

EFE |

Em uma conversa com jornalistas durante uma viagem à Nigéria, o ex-chefe de Estado democrata disse que Obama tinha vencido as primárias da Geórgia e que também tinha conquistado uma maioria de votos em sua própria localidade, Plains.

Ele afirmou que boa parte de sua família respalda Obama. "Como superdelegado, não vou revelar quais são minhas preferências. Deixo para que vocês adivinhem", disse Carter aos jornalistas, segundo o jornal nigeriano "This Day".

Questionada sobre a veracidade dessas declarações, a porta-voz disse que essencialmente se ajustam à verdade.

Em sua qualidade de ex-presidente, Carter é um dos 13 superdelegados que representarão a Geórgia na convenção democrata que será realizada em Denver (Colorado) no final de agosto.

Desses 13, só três não se pronunciaram oficialmente sobre seu apoio e Obama já conta com o respaldo de sete contra três que apóiam a senadora por Nova York Hillary Clinton.

Howard Wolfson, diretor de comunicações da campanha da ex-primeira-dama dos EUA, não quis comentar a possibilidade de Carter respaldar Obama.

"Tanto a senadora Hillary como o ex-presidente Clinton têm um grande respeito pelo ex-presidente Carter e desfrutaram de sua amizade durante anos. Evidentemente, está livre de tomar a decisão que considere mais apropriada", disse.

Obama e Hillary realizam campanha no estado da Pensilvânia, que será palco de eleições primárias em 22 de abril.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG