Diplomacia brasileira discute situação no Haiti com assessor de Obama

Barack Obama tem grande sintonia com o Brasil em relação às ações a serem adotadas visando à estabilização no Haiti, afirmou o embaixador brasileiro nos Estados Unidos, Antônio Patriota, após ter se reunido com o principal assessor do candidato democrata à Casa Branca em matéria de política externa.

AFP |

A equipe de Obama liderada por Anthony Lake está "muito informada sobre a situação no Haiti" -onde o Brasil lidera a força de estabilização da ONU-, disse o embaixador brasileiro durante um café da manhã com jornalistas em sua residência em Washington.

Antônio Patriota também afirmou que os assessores de Obama manifestaram a "posição favorável" do candidato democrata à entrada do Brasil no Conselho de Segurança das Nações Unidas, assim como também expressaram os assessores de John McCain.

O Brasil é o país que mais contribui em número de tropas com a Minustah, a missão de estabilização da ONU no Haiti, com 1.200 homens.

A Minustah foi estabelecida em 2004 e em outubro suas ações foram ampliadas por mais 12 meses para o cumprimento de tarefas de segurança interna e nas fronteiras.

mr/dm

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG