Wagner diz que União é autora das principais obras da sua gestão

Governador se defende dos ataques de Geddel, para quem administração petista se baseou em obras promovidas pelo presidente Lula

Aura Henrique, iG Bahia |

Jaques Wagner (PT), que tenta a reeleição para o governo da Bahia, admitiu, após o debate da TV Bahia, nesta terça-feira (29), que as principais obras e realizações de sua gestão são fruto de sua parceira com o Governo Federal. Durante toda a campanha, mais enfaticamente no enfrentamento desta noite, Geddel Vieira Lima (PMDB) acusou o petista fazer uma administração “de contrapartidas”, baseada em investimentos e realizações promovidos por Lula.

“É incrível porque as pessoas reclamam que as obras são do Governo Federal e depois reclamam que eu trago pouca obra do Governo Federal”, disse o petista. Wagner afirmou ainda estar “absolutamente” consciente de que tem utilizado bem a parceira com Lula, justificada por um projeto e “um jeito de governar” semelhantes. “Não tenho dúvida nenhuma de que nós atrairemos mais investimentos ainda da presidente Dilma”, completou.

Algumas das ações em parceria com o Governo Federal ainda nem saíram do papel, como é o caso do novo Porto Sul, que não tem licença ambiental, e da ferrovia Oeste-leste, com edital que acaba de ser lançado. Outras parceiras alvo de ataques são os programas sociais financiados com verba federal, além das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), como o complexo de viadutos da Rótula do Abacaxi e a construção de hospitais públicos no Estado.

    Leia tudo sobre: eleições bawagnergeddel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG