Vox Populi/Band/iG: Dilma alcança Serra em Minas

Embora esteja tecnicamente empatada com Serra, petista aparece pela primeira vez à frente do tucano

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

Pesquisa Vox Populi/Band/ iG desta terça-feira mostra que a petista Dilma Rousseff e o tucano José Serra estão tecnicamente empatados em Minas Gerais. Embora a diferença esteja dentro da margem de erro, é a primeira vez que Dilma aparece à frente de Serra no segundo maior colégio eleitoral do País.

Dilma tem 37%, Serra 33%, Marina Silva (PV) 8%, Mário de Oliveira (PT do B) e Eymael (PSC) 1% e os demais candidatos não pontuaram. Os brancos e nulos somam 5% e os indecisos 15%. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais para mais ou para menos.

Tecnicamente Serra e Dilma continuam empatados pois o tucano poderia chegar no máximo a 36% e a petista no mínimo a 34%. Mas a inversão na liderança da disputa em Minas é inédita. Na pesquisa anterior, divulgada dia 21 de maio, Serra aparecia com 38% e Dilma 35%, também em empate técnico. Marina tinha os mesmos 8%. Em janeiro, quando o quadro eleitoral estava indefinido e a candidatura de Ciro Gomes (PSB) ainda era cogitada, o tucano tinha 43% contra 28% da petista.

A rejeição ao tucano aumentou de 12% para 19% no Estado e a de Dilma manteve-se estável, oscilando de 14% para 13%, desde maio.

Em um eventual segundo turno, a petista, com 41%, e o tucano, com 38%, continuam tecnicamente empatados. Em maio, Serra aparecia com 42% e Dilma com 40%.

Na pesquisa espontânea Dilma tem 22%, Serra 20%, Marina 4%, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (que não é candidato) 5% e o candidato apoiado por ele 1%.

Avaliação do governo

A avaliação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva subiu de 77% para 83%. Segundo a pesquisa, 35% dos entrevistados disseram que votariam no indicado por Lula dependendo do candidato, 31% votariam com certeza, 23% não levariam em conta a orientação do presidente e apenas 7% não votariam no candidato de Lula.

O Bolsa Família lidera o ranking dos programas federais com 27% de aprovação seguidopelo Minha Casa Minha Vida com 21%, Pro-Uni com 12%, Luz para Todos com 9% e o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) com 7%.

Quase a metade dos entrevistados, 49%, disseram que o próximo presidente deve manter a maioria dos programas e mudar alguns e 34% defendem a manutenção de todos os programas.

De acordo com o Vox Populi, 36% acreditam que as políticas serão mantidas por qualquer candidato, 31% acham que só Dilma daria sequência e 15% pensam que Serra e Marina não extinguiriam os programas mas só a petista daria ênfase a elas.

    Leia tudo sobre: PesquisaVox PopuliEstados

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG