Vox Populi: Cabral mantém dianteira no Rio, com 49%

Fernando Gabeira, do PV, está em segundo com 15% das intenções de voto

Matheus Pichonelli, iG São Paulo |

O governador do Rio, Sergio Cabral (PMDB), candidato à reeleição, manteve a dianteira com 49% das intenções de voto na mais recente pesquisa Vox Populi/Band/ iG divulgada nesta sexta-feira. Ele oscilou negativamente em relação à pesquisa anterior, feita em julho, quando aparecia com 51%. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais.

Mesmo assim, o governador, que tem apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seria reeleito ainda no primeiro turno, já que os demais candidatos não chegam a 50% dos votos. Fernando Gabeira, do PV, manteve os 15% de intenção de voto apurados no último levantamento e segue em segundo lugar. Atrás dele estão Cyro Garcia (PSTU), com 2%, Fernando Peregrino (PR), Eduardo Serra (PCB) e Jefferson Moura (PSOL), todos com 1%. Brancos e nulos foram 12% dos eleitores.

O número de eleitores que se dizem indecisos ou que não souberam responder é de 19%.

Na pesquisa espontânea, quando os nomes dos candidatos não são apresentados para o entrevistado, Cabral soma 30% das citações, seguido de Gabeira, com 8% - número inferior ao de votos brancos ou nulos (13%).

A pesquisa, realizada entre os dias 7 e 10 de agosto – antes, portanto, do debate com os candidatos ao governo fluminense, realizado na última quinta-feira – e ouviu 1.000 pessoas. Foi protocolada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 22.952/10 e no Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ) sob o número 68.561/10.

Entre os candidatos, Gabeira ainda é o candidato com maior índice de rejeição: 20% dos eleitores. Cabral tem 11% das rejeições e tem o governo aprovado por 43% dos entrevistados.

O desempenho do candidato nas pesquisas revela um cenário preocupante para a campanha do presidenciável José Serra (PSDB) no Estado, onde os tucanos apoiam o candidato do PV. Dilma subiu cinco pontos entre julho e agosto e tem hoje 46% das preferências dos eleitores no Estado. Serra caiu de 24% para 18% e Marina Silva (PV) manteve os 11%. A petista venceria o tucano no segundo turno por 53% a 24%, de acordo com a pesquisa.

O Vox Populi levantou também o índice de popularidade do governo Lula no Rio. O presidente é bem avaliado por 77% dos fluminenses. No Rio, 14% dos eleitores afirmam que com certeza votariam no candidato apoiado por Lula. No Estado, 84% já identificaram a ex-ministra da Casa Civil como a candidata do presidente.

Senado

Na disputa pelas duas vagas ao Senado, os favoritos Marcelo Crivella (PRB) e Cesar Maia (DEM) oscilaram para baixo na comparação com a pesquisa realizada no mês passado. Crivella foi de 35% para 31%, enquanto o ex-prefeito da capital chegou a 26% das intenções de voto (eram 27% em julho). As oscilações, no entanto, estão dentro da margem de erro, de 3,1 pontos percentuais para mais ou para menos.

Lindberg Farias, do PT, teve queda de seis pontos e aparece em terceiro lugar, com 15% das preferências. Jorge Picciani (PMDB) manteve os 11% do último Vox Populi e Waguinho Senador somou 5%. Marcelo Cerqueira (PPS) teve 3% das citações e Milton Temer (PSOL), 2%.

Carlos Dias (PT do B) e Wladimir Mutt (PCB) somaram 1% cada um, enquanto Heitor (PSTU) e Claiton (PSTU) não atingiram sequer 1% das preferências.

A pesquisa apurou ainda que, para senador, 40% dos eleitores ainda se dizem indecisos ou não sabem em quem votar. Outros 21% dizem que pretendem votar em branco ou nulo.

Crivella é o candidato mais citado tanto como opção de primeiro voto (22%) como de segundo (9%), seguido por Cesar Maia (18% e 8%). Lindberg é citado por 7% dos eleitores como opção de primeiro voto e 8%, de segundo.

    Leia tudo sobre: eleições rj

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG