Vox Populi: Anastasia reduz para 10 pontos diferença para Costa

Vantagem do peemedebista entre o tucano era de 24 pontos na última pesquisa

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

A diferença entre o candidato do PMDB ao governo de Minas Gerais, Hélio Costa, e o tucano Antonio Anastasia caiu de 24 pontos percentuais em julho para 10 pontos em agosto é o que mostra pesquisa Vox Populi/Band/ iG desta sexta-feira.

Segundo a sondagem, Costa caiu de 42% para 36% enquanto Anastasia, o atual governador, subiu de 18% para 26%. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais para mais ou para menos. Na pesquisa espontânea Costa e Anastasia estão empatados com 16%. Em agosto o peemedebista tinha 13% contra 9% do tucano.

Vanessa Portugal (PSTU), Zé Fernando (PV), Edilson Nascimento (PT do B), Professor Luiz Carlos (PSOL) e Fabinho (PCO) aparecem com 1%. Os brancos e nulos somam 6% e os indecisos 27%.

O Vox Populi mostra que Costa lidera no interior enquanto Anastasia tem vantagem na capital. Em Belo Horizonte o governador tem 49% contra 22% de Costa. Na região metropolitana, o tucano vence por 42% a 34%. Já nas cidades médias o ex-ministro da Comunicação tem 43% contra 20% do governador e nas pequenas 34% a 23%.

A rejeição de Costa é de 8% e a de Anastasia 7%. A avaliação positiva do governador é de 46%, muito abaixo dos 72% alcançados pelo ex-governador Aécio Neves (PSDB) quando deixou o governo em abril.

Segundo o Vox Populi, Aécio e o ex-presidente Itamar Franco seriam eleitos hoje para o Senado com 71% e 42% dos votos respectivamente. O ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel (PT) ficaria de fora com 23%.

De acordo com a pesquisa, Pimentel, que desde 2008 enfrenta uma disputa interna com o ex-ministro do Combate à Fome Patrus Ananias pelo controle do PT mineiro, não tem apoio integral nem do próprio partido. Ele tem apenas 5% do primeiro voto para senador apesar de 16% dos entrevistados terem se declarado petistas.

Dilma abre vantagem

Apesar do crescimento do candidato do PSDB ao governo, a postulante do PT à Presidência, Dilma Rousseff , abriu a vantagem sobre o tucano José Serra de 4 para 10 pontos em Minas, segundo maior colégio eleitoral do País, com 10,7% do eleitorado.

Em julho Dilma tinha 37% contra 33% de Serra, o que configurava empate técnico. Hoje a petista consolidou a liderança com 41% contra 31% de Serra. Marina Silva (PV) continua com 8%. Os brancos e nulos são 5% e os indecisos 14%.

Dilma venceria um hipotético segundo turno em Minas Gerais com 46% contra 38% do tucano. Responsável pela saída de Aécio da disputa presidencial Serra tem a maior rejeição entre os mineiros, 21%, contra 19% de Marina e 17% de Dilma.

O Voz Populi ouviu 1.000 pessoas entre os dias 7 e 10 de agosto. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional de (TER-MG) Minas Gerais com o número 59.810/10 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 22.953/10.

    Leia tudo sobre: eleições mgeleiçõesanastasiahélio costa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG