Rodrigues nega compra de votos, defende pacto social e critica abordagem da Polícia Federal nas eleições

O vice-governador eleito de Roraima (RR), deputado federal Chico Rodrigues (DEM), declarou nesta quinta-feira ao iG que a reeleição do governador Anchieta Junior (PSDB) foi limpa, não houve compra de votos e defendeu a conciliação política no Estado. O vice-governador criticou a atuação da Polícia Federal no Estado durante as eleições.

“A população de Roraima deu a resposta nas urnas ao decidir pela reeleição do governador. Temos como missão principal idealizar uma conciliação política visando um pacto social em defesa do estado. A eleição já passou, o momento é de estruturar nossa base e buscar uma política de aproximação,” disse Chico Rodrigues.

Votação popular

Para o vice-governador eleito, a conciliação se faz com quem ganhou e com quem perdeu a eleição. “Temos que buscar a aproximação até mesmo quem discordou da nossa plataforma de governo. Vivemos em um país democrático e sabemos respeitar este preceito,” acrescentou.

Sobre as críticas que o governador reeleito vem sofrendo de alguns opositores, o vice-governador eleito entende que elas são “naturais no processo político quando se disputa uma eleição.Quem perde buscar argumentos para brigar na justiça pela retomada de um poder legitimo concedido pela votação popular.”

Rodrigues afirmou que os votos conseguidos por Anchieta foram executados de forma legitima. Para ele, o eleitor de Roraima concedeu ao governador reeleito a oportunidade de governar por mais quatro anos, dizendo não as proposta de seu opositor.

Pesquisas

Chico Rodrigues assegurou que “não houve manipulações” no resultado da ultima pesquisa divulgada pelo Ibope. O que aconteceu, na sua avaliação, para assegurar a virada da vitória – quando os dados apontavam para uma vitoria de Neudo Campos no segundo turno – foi exatamente a forma como foi conduzida a campanha.

O vice-governador eleito disse ainda que “nos últimos dias, com as pesquisas sem direcionamento, com foco distorcido recheado de ataques, tudo contribuiu para a vitória de Anchieta nas urnas.”
Abordagens

Chico Rodrigues afirmou discordar da forma como foram realizadas algumas abordagens pelos agentes da Policia Federal (PF-RR), ao citar como exemplo uma destas investidas contra o carro em que estava seu filho, e na ocasião relatou que os policias agiram de forma ofensiva no momento da abordagem.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.