Vice de Wagner vai disputar cargo em chapa do PMDB

O PMDB da Bahia anunciou os candidatos que concorrerão pela coligação encabeçada pela legenda nas eleições majoritárias no Estado

Agência Estado |

O PMDB da Bahia anunciou, no fim desta manhã, os candidatos que concorrerão pela coligação encabeçada pela legenda nas eleições majoritárias no Estado. Além do pré-candidato a governador, o ex-ministro da Integração Nacional Geddel Vieira Lima, e do senador César Borges (PR), que concorre à reeleição - que já tinham seus nomes definidos -, a chapa vai contar com o vice-prefeito de Salvador, Edvaldo Brito (PTB), na disputa pela segunda vaga para o Senado, e com o atual vice-governador baiano, Edmundo Pereira (PMDB), que vai disputar a reeleição, mas como vice de Geddel.

O PMDB, que integrava a coligação que elegeu o atual governador e candidato à reeleição Jaques Wagner (PT), em 2006, deixou a parceria com a administração estadual, no ano passado, para lançar a candidatura de Geddel ao executivo baiano. Eleito vice, Pereira não pode deixar o cargo, como fizeram os secretários estaduais peemedebistas.

Apesar da disputa na Bahia, os líderes do PMDB no Estado garantem apoio à candidatura da ex-ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT) à Presidência da República. Ela é esperada na convenção estadual do partido, que estava marcada para o dia 18, mas foi transferida para o dia 21.

    Leia tudo sobre: wagnergeddelpmdbbahiadilma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG