TSE proíbe reapresentação de propaganda eleitoral do PSDB

Aldir Passarinho Junior decidiu hoje suspender as reapresentações das inserções nacionais levadas ao ar no último dia 22

Agência Brasil |

O corregedor-geral Eleitoral, Aldir Passarinho Junior, decidiu hoje (25) suspender as reapresentações das inserções nacionais do PSDB levadas ao ar no último dia 22. As peças publicitárias estavam programadas para ser exibidas novamente nos dias 26 e 29 de junho. A decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) responde a uma representação ajuizada pelo PT na última quarta-feira (23).

Segundo argumentação do PT, o PSDB usou a propaganda para divulgar a imagem pessoal do candidato do partido à Presidência da República, José Serra, “claramente no intuito de alavancar sua popularidade eleitoral”. O PT ainda levantou a tese de que Serra sabia previamente do objetivo da propaganda, pois o programa de TV usou imagens e fotos do acervo pessoal do candidato tucano.

Passarinho deu ao PSDB a opção de trocar a propaganda suspensa por outras que não violem a legislação eleitoral. Na semana passada, o ministro já havia proibido a reapresentação da propaganda eleitoral do PSDB exibida em cadeia nacional no dia 15 de julho. Na ocasião, Passarinho entendeu que o partido não atendeu às normas eleitorais.

    Leia tudo sobre: tseptserrapsdb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG