TSE mantém cassação de Rosinha Garotinho

Condenação determina afastamento imediato da prefeita de Campos dos Goytacazes; advogados prometem recorrer da decisão

Flávia Salme, iG Rio de Janeiro |

O ministro Marcelo Ribeiro, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), decidiu nesta quinta-feira manter a cassação do mandado da prefeita de Campos dos Goytacazes ( Norte Fluminense ), Rosinha Garotinho, determinada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) na última segunda-feira (28). A decisão também torna Rosinha inelegível até 2011.

Além de Rosinha, o vice-prefeito Francisco Arthur de Oliveira também foi punido com a perda do mandato e a inelegibilidade. Os dois foram condenados por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação por uma entrevista que ela concedeu, em 14 de junho de 2008, a um programa de rádio então conduzido por seu marido, o ex-governador Anthony Garotinho.

Como a decisão do TRE-RJ determinava o afastamento imediato de Rosinha e seu vice, para que sejam convocadas novas eleições na cidade, o presidente da Câmara Municipal de Campos, Nelson Nahin, deve assumir o posto. Nahin é irmão de Anthony Garotinho.

Garotinho: “foi uma surpresa”

O ex-governador Anthony Garotinho, que nesta quarta-feira (30) desistiu de concorrer ao governo do Rio de Janeiro para disputar uma vaga de deputado federal, disse que a decisão do TSE surpreendeu.

“Foi uma surpresa”, falou. “Anteontem (terça-feira) o TSE me concedeu uma liminar, expedida pelo mesmo ministro, autorizando a minha candidatura. O assunto era o mesmo. Não entendi por que eu consegui a liminar e a Rosinha foi condenada. Mas ela vai recorrer”.

Rosinha preferiu não comentar a decisão. A advogada Rosely Pessanha, que representou a prefeita no TRE-RJ, explicou que ainda cabe recurso à decisão, mas disse que o caso será conduzido pelo advogado Fernando Neves, que defende o casal no TSE.

De acordo com advogados que atuam no caso, será preciso que o TRE-RJ notifique a Câmara Municipal de Campos para que a ordem de destituir Rosinha do cargo seja cumprida.

    Leia tudo sobre: rosinhagarotinhocassaçãotse

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG