TSE libera pesquisa Ibope no Paraná

Números do levantamento deverão ser divulgadas em jornal noticioso na noite deste sábado

Agência Estado |

selo

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio no fim da noite de ontem, concedeu liminar em mandado de segurança impetrado pelo Ibope, e a divulgação de pesquisa eleitoral foi liberada no Paraná. A Rede Paranaense de Comunicação (RPC), afiliada da Rede Globo, promete divulgar os números no jornal das 19 horas de hoje. A Coligação Novo Paraná, que tem como candidato a governador Beto Richa (PSDB), ainda pode recorrer da decisão.

De acordo com o TSE, o ministro levou em consideração a liberdade de informação. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná havia alegado erros técnicos na metodologia aplicada pelo Ibope. O instituto recorreu sob argumentação de que a não divulgação de pesquisa impediria que "o eleitor paranaense tenha uma noção do real cenário eleitoral e, com isso, possa escolher seu candidato de forma segura, embasado em informações que deveriam ser públicas".

Entre os erros técnicos apontados pela coligação está o fato de que a idade da amostragem é diversa da apresentada pelo TSE e que os índices utilizados na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) são de 2008, apesar de já existir a de 2009. Mas o Ibope acentuou que o instituto é o mais interessado na correção de eventuais erros em sua metodologia, visto que o "prestígio sofrerá evidente abalo se forem divulgados resultados que destoem de modo dramático do que resultar das urnas".

    Leia tudo sobre: eleições pribopepesquisarequião

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG